Como a PANDEMIA do novo coronavírus afeta a saúde mental de CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Saiba como proteger seus filhos de possíveis danos psicológicos.

Adolescente na quarentena

Por Notícias Universal I Edição 977

A pandemia da COVID-19 alterou radicalmente a vida de todos. Adultos, idosos, jovens e crianças tiveram que se adequar a uma nova rotina, o que acaba gerando um certo desconforto e estresse emocional.

Se toda essa tensão causada pela mudança brusca no modo de viver e se relacionar é capaz de desestabilizar o emocional de uma pessoa adulta, muito mais de um adolescente ou de uma criança, que já tem a ansiedade como característica peculiar da faixa etária.

CONFINAMENTO É PREJUDICIAL AO DESENVOLVIMENTO

Para a psicóloga Neia Dutra, o confinamento prejudica o desenvolvimento de crianças e adolescentes, tendo em vista que necessitam da convivência em grupo para a construção da própria identidade.

“Certamente, o confinamento está afetando a todos, e as crianças e os adolescentes não ficam de fora desse cenário, pois, de uma hora pra outra, têm sua rotina quebrada, sua escola fechada e nenhuma possibilidade de interação social. Isso impacta, principalmente, os adolescentes que precisam do grupo, do contato com os amigos para se identificar e construir sua própria identidade. Pensando nisso, o confinamento traz prejuízos para o desenvolvimento de crianças e adolescentes na medida que ficam restritos ao espaço de casa e núcleo familiar”, destaca.


PROTEJA SEUS FILHOS

familia unidaNeste caso, a profissional aconselha que os pais adotem medidas, a fim de protegerem a saúde emocional dos filhos. “A primeira ação dos pais deve ser no

sentido de protegerem seus filhos da enxurrada de informações midiáticas catastróficas que, diariamente, invadem nossa casa ao ligarmos um aparelho de comunicação”, enfatiza.

Então, para ajudá-los a enfrentar o confinamento de uma forma mais leve e descontraída, ela aconselha os pais a “incentivarem os filhos a ler, assistir filmes/séries, aprender alguma atividade nova por meio dos tutorias disponíveis na internet, manter contato com os amigos por telefone ou chamada de vídeo. Pois o distanciamento é social, não precisa ser emocional”, ressalta.


PROJETO ESCOLA DE MÃESmae-e-filha-adolescente

Nesse período de quarentena, pais e filhos estão ficando juntos em casa por mais tempo, quando não integralmente. Para muitas pessoas, esses dias excepcionais estão se tornando também bem desgastantes. Alguns conflitos e situações desfavoráveis podem começar a surgir com a assídua convivência.

A Escola de Mães realizou neste mês de maio, domingo (10), quando também se comemorou o Dia das Mães, o segundo encontro online com pais e responsáveis. A live contou com a presença especial de Ester Bezerra.

Ao dar início ao encontro, Ester deixou um recado a cada participante, para que não se conforme com o que temos visto. Mães egoístas, que não desempenham o seu papel e deixam os filhos em segundo plano. Mulheres que dão prioridade, por exemplo, ao corpo e à moda, seguindo o que o mundo oferece. Mas, que se esquecem que os filhos são uma missão na vida delas.

“E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.” Romanos 12.2

“Não valorizam a missão que Deus deu a elas. São levadas pela mídia, pela moda. Mas, a mulher de Deus, que teme a Ele, não segue o mundo, ela segue a Palavra. A mãe tem a missão de guardar, de proteger e de orientar os filhos. Tem toda autoridade para isso. Não se conformem, não sigam o mundo, mas olhem para o que Deus tem preparado para nós”, explanou.

AUXÍLIO AOS PAIS

Ademais, para ajudar os pais nesse processo, a Escola de Mães possui um grupo de pais no Facebook, por meio do qual são enviadas dicas, orientações e mensagens diárias.

A coordenadora do projeto em português, nos Estados Unidos, Vanessa Silva, mensalmente divide as suas experiências como mãe e tem como objetivo dar apoio aos pais nos desafios diários de criar seus filhos. “O benefício das reuniões é trazer a importância de primeiramente se educar, separando um tempo para aprender e assim colocar em prática o que é ensinado. A escola de mães, tem ajudado a resgatar os princípios familiares, muitos não tinham como prioridade estas classes e hoje estão vendo o quanto tem sido benéfico, durante a quarentena”, disse Vanessa.

Portanto, se você deseja saber mais sobre o programa social Escola de Mães e se beneficiar com o conteúdo disponibilizado, pode ter acesso pela rede social oficial no Facebook.

ATENDIMENTO

Caso precise de aconselhamento, temos uma equipe de conselheiros à disposição para lhe orientar a qualquer momento, entre em contato conosco através do Whatsapp.

Fonte: Universal.org

Escola de mães

Encontre uma Universal mais perto de você.

ler mais
Pastor Online

comentários

Relatar erro

Informe nossa equipe sobre qualquer erro gramatical, de informação ou técnico encontrado nesta página:

Como a PANDEMIA do novo coronavírus afeta a saúde mental de CRIANÇAS E ADOLESCENTES

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Notícias falsas

You know about some fake news on the internet about Universal church of the kingdom of god? Report here and we`ll bring up the truth through myths and truths site

Formulário de reclamação

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Expediente

Editora Executiva:

Coordenadora de Conteúdo:

Repórteres:



Email de contato:

Telefones:

Endereços

Cep: